Dicas Musicais

Como Tirar Músicas de Ouvido?

Como Tirar Músicas de Ouvido

Tirar uma música de ouvido é uma prática entre músicos amadores e profissionais que consiste em conseguir tocar a música sem fazer uso de partitura ou qualquer outro tipo de notação musical.

Na aula de canto popular, além de aprender as técnicas vocais para uma boa sonoridade o aluno aprende de maneira natural a tirar a música de ouvido.

Instrumentistas que gostam de jazz, rock, blues, entre outros estilos musicais, também usam essa prática. Já na música erudita, os músicos utilizam a notação musical como base de seu estudo.

Tirar música de ouvido não é uma pratica simples. Mas aqui estão algumas dicas que iram te ajudar nessa missão.

1- Escolha músicas que você já ouviu muitas vezes.

Quanto mais familiarizado(a) com a música você estiver, mais fácil será conseguir reproduzir o som que você está ouvindo.

2- Comece identificando o movimento das notas.

Após descobrir a primeira nota da música, você precisa entender se a próxima é mais aguda (movimento ascendente) ou mais grave (movimento descendente).

3- Procure músicas que utilizam graus conjuntos

Uma música com graus conjuntos (do – ré – mi – fá) será mais simples do que músicas que utilizam saltos (do – sol – si – ré)

OBS: Tirar músicas de ouvido é como aprender uma língua. Se você não conhece alguma palavra não vai conseguir reproduzi-la, ou se conseguir não entenderá o que está falando. Portanto a partir de agora seguem algumas dicas de conteúdos para melhorar seu vocabulário musical e por consequência ajudar a tirar suas músicas prediletas de ouvido.

4- Estude escalas

As melodias (partes cantadas da música ou solos de algum instrumento) são feitas a partir de uma sequencia de notas que chamamos de escala.

Existem diversas escalas e se você consegue identificar qual delas está sendo utilizada, você passa a ter 7 ou até mesmo 5 opções de notas, ao invés de 12 (quantidade de notas musicais), o que torna sua busca por aquela nota específica mais fácil.

5- Pratique ouvir a nota mais grave do acorde

A nota mais grave do acorde normalmente é tocada pelo contrabaixo. Depois de identifica-la como fundamental de um acorde, resta saber a qualidade do acorde, ou seja, se ele é maior ou menor.

6- Entenda sobre campo harmônico

O campo harmônico é uma sequência de 7 acordes formada a partir da tonalidade da música.

Convenhamos que é muito mais fácil encontrar um acorde entre 7 do que um entre 60 que é a quantidade de acordes maiores, menores, diminutos, meio diminutos e aumentados (isso sem contar as tensões como sétimas, nonas etc). Portanto aprenda os campos harmônicos maiores e menores e seja feliz. RS.

Sobre o Autor

Thiago Castellano

thiago@usinamusica.com.br

Coordenador da Usina Música. Produtor Musical, Professor de Guitarra, Bateria, Violão.

Formado pela ULM.